23 de dezembro de 2008

2008, o ano do MGMT

Eletrônica? Pop? Retrô? Difícil é definir a música do MGMT (sigla para Management), dupla nova-iorquina que foi uma das sensações da música em 2008. Presente em quase todas as listas de melhores do ano, o álbum Oracular Spetacular alçou os universitários à condição de astros internacionais.

Com um pop bem humorado e de influências diversas, Andrew VanWyngarden e Ben Goldwasser criaram um disco moderno, dançante e com a cara do século XXI. O clipe viajandão de Time do Pretend, ao estilo História Sem Fim, é uma das coisas mais insanas e legais dos últimos tempos.

Inspirados no eletropop, glam, space rock, folk e psicodelia, o MGMT soa moderno sem deixar de lado o status retrô. Ao que parece, tudo em Oracular Spetacular foi feito sem muita pretensão. “Não estamos tentando encontrar uma fórmula”, disse Goldwasser em entrevista recente.

2 comentários:

мiмi ' disse...

nossa, MGMT é muito bom. Eu estava assintindo mtv e passou 'time to pretend' e de cara eu já amei.

é um som bem diferente, os clipes são criativos, e eles são muito talentosos. na minha opinião, foi uma das melhores bandas de 2008.

pena que não pude ir no tim festival =(

Beijo.

next disse...

Há exatos 40 anos o mundo do rock fora reinventado. Parabéns a todos os fãs da maior banda de rock da história, e parabéns ao autor do blog pelo registro!!
Abração ae Danton e cada vez mais sucesso pra você!

Sandro